Tenho uma empresa, uso minha conta bancária física ou jurídica?

Uma empresa PJ, trabalha basicamente da seguinte forma:

  • Presta serviços a outras empresas através dos sócios PF em forma de Contrato Formal ou Informal;
  • Emite a NF para a empresa contratante, e recebem na maior parte das vezes á vista;
  • Pagam seus impostos e as despesas da empresa;
  • Distribuem o saldo do recebimento aos sócios através do uso deste dinheiro para pagamento das contas particulares.

O lucro distribuído aos sócios não incide tributação (desde que atendidos alguns critérios que sua contabilidade pode lhe esclarecer) e desde que não haja mudança na legislação.

O pró-labóre é o salário dos sócios e também uma despesa que deve ser paga pela empresa.

Em geral os bancos cobram tarifas pela manutenção da conta e isso também é uma despesa financeira da empresa.

Todas estas despesas e movimentações requerem que a empresa possua uma conta bancária pessoa jurídica.

Todas as receitas e despesas pessoais dos sócios devem ser recebidas e pagas pela conta bancária pessoal dos sócios. E todas as receitas e despesas da empresa devem ser pagas pela conta jurídica da empresa.

O mesmo deve ocorrer com relação a cartão de crédito. Gastos pessoais devem ser feitos no cartão pessoal e gastos da empresa devem ser pagos com cartão de crédito da empresa, se houver.

SUGESTÃO:

Simplifique e não corra riscos desnecessários.

  1. Abra uma empresa PJ e diminua seu gastos com encargos;
  2. Abra uma conta bancária em nome da empresa;
  3. Receba todos os valores faturados da PJ na conta da PJ;
  4. Pague todos os custos e despesas (inclusive o pró-labore) por essa conta bancária;
  5. Mantenha sua contabilidade bem informada e integrada;
  6. Distribua os lucros da empresa (Receitas menos despesas) para a conta Pessoa Física dos sócios);
  7. Guarde todos os documentos da empresa corretamente;
  8. Pague as despesas pessoais somente na conta da Pessoa Física.

CONCLUSÃO

Abrir uma empresa é uma opção e não obrigação, do mesmo modo que abrir uma conta jurídica é uma opção, não uma obrigação.

Mas todos os gastos da PJ deverá ser lançados contra caixa, nunca na conta da pessoa física, para não confundir  as entidades.

By | 2018-10-17T16:46:37-03:00 10/10/2018|Dicas|0 Comments

Leave A Comment